Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Saúde orienta sobre prevenção do câncer bucal

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

06/11/2018 07h41 - Atualizado em 06/11/2018 07h45

Saúde orienta sobre prevenção do câncer bucal

A rede municipal de saúde promove conscientização sobre os perigos da doença que acomete cerca de 14 mil pessoas por ano no Brasil

Os pacientes que procurarem atendimento nas unidades da rede municipal de saúde entre a segunda-feira, 5, e a sexta-feira, 9, terão orientações relativas à Semana Nacional de Prevenção ao Câncer Bucal. O trabalho objetiva conscientizar a população sobre os perigos da doença, ainda pouco divulgada, mas que acomete aproximadamente 14 mil brasileiros anualmente.

O fumo e o álcool estão entre as principais causas do câncer bucal, sendo que 60% dos pacientes tratados são vítimas de tumores na boca e 40% na faringe ou laringe. Conforme a coordenadora de Saúde Bucal da Prefeitura de Anápolis, Núbia Peres, é fundamental estar atento ao surgimento de determinados sinais. “Eles podem aparecer de forma espontânea. Podem vir como nódulos pequenos, que aumentam de volume até se tornarem perceptíveis”. Ela destaca que quando diagnosticado precocemente, o problema apresenta taxas de cura que chegam a 90%. 

Os primeiros sintomas visíveis do câncer de boca são feridas que não cicatrizam e manchas avermelhadas ou esbranquiçadas na parte interna da boca. Em casos assim, a orientação é procurar um especialista – odontólogo – para um diagnóstico. “Mas, há ainda os chamados ‘sintomas invisíveis’, que incluem dor na região da boca e ao engolir, sensibilidade bucal, mau hálito, ausência de paladar e perda de peso, entre outros”.

Tratamento

O tratamento inclui cirurgia e radioterapia, e, em casos mais graves, a quimioterapia. A melhor, entretanto, continua sendo a prevenção. "O acompanhamento regular junto ao seu dentista é fundamental. Nele são feitas as revisões para se evitar doenças bucais e periodontais”, conclui Núbia Peres.