Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Procon Anápolis realiza 2,8 mil atendimentos em janeiro

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

07/02/2020 16h03 - Atualizado em 07/02/2020 16h06

Procon Anápolis realiza 2,8 mil atendimentos em janeiro

Operadoras de telefonia celular e instituições financeiras lideram o volume de reclamações

Garantir o direito do consumidor é o que faz a população procurar o Procon Anápolis, localizado em quatro pontos diferentes da cidade, além do atendimento móvel. A prova que o órgão trabalha em defesa da população é que, apenas em janeiro deste ano, 2.805 atendimentos foram registrados pelo órgão. Em média, 100 pessoas procuram diariamente as unidades em busca de solucionar algum problema.

É o caso da Isabella Correia, 35 anos, que saiu cedo de casa para ir à sede do Procon Anápolis, para buscar atendimento sobre divida negativada. “Ainda não consegui resolver todo problema já que o banco está em recuperação judicial, mas fui bem orientada pela equipe e agora sei como devo proceder com o meu problema”, contou. 

Assim como o caso de Isabela, grande parte das reclamações são resolvidas por meio de orientações. Para o secretário municipal de Defesa do Consumidor, Robson Torres, receber todas as denúncias ou reclamações dos consumidores “é uma missão indiscutível na busca da imediata solução”.

Ao chegar à unidade, o consumidor passa por uma triagem (conferência de documentos pessoais, comprovante de endereço e nota fiscal), em seguida, é encaminhado ao atendimento onde o problema tem 90% de chances de já se obter resolutividade, sem que haja a necessidade de abertura de processo administrativo.

Isso é possível devido à tentativa de acordo realizada por telefone mesmo com o fornecedor, em caso negativo, os atendentes abrem o processo administrativo entre o consumidor e o fornecedor convocando para uma audiência de conciliação. Neste caso, 70% dos processos obtêm existo de resultado. 

As operadoras de telefonia celular lideram o ranking de reclamações com cobranças abusivas ou até mesmo descumprimento de contrato. As instituições financeiras, companhia de energia elétrica, e produtos eletroeletrônicos quando apresenta algum problema e não é reparado, também fazem parte do volume de reclamações.

Orientação
O secretário Robson Torres alertou ainda que o consumidor deve constantemente buscar informações e orientações sobre as normas consumeristas, previstas no Código de Defesa do Consumidor (CDC). “A população bem informada e ciente de seus direitos saberá se defender na hora da comprar cobrando o respeito que lhe é devido”, garantiu Torres.     

O Procon Anápolis no uso de suas atribuições tem atuado em defesa da população para que o direito do consumidor seja respeitado. Para isso, o Procon age de modo preventivo e corretivo, através de ações educativas, fiscalizações, aberturas de reclamações, conciliações, imposições de multas e ações afins.  A população pode denunciar através do telefone (62) 3902-1365, pelo e-mail fiscalizacaoprocon@anapolis.go.gov.br, ou em uma das unidades da pasta.

Serviço ao consumidor:

PROCON – sede
End: Rua Estrela do Sul esquina com a Av. Belo Horizonte, Vila Jussara – Anápolis – Goiás CEP: 75123-270 (quarto quarteirão atrás do Hospital Municipal) Fone: (62) 3902-1365 Fax: (62) 3902-2028

Rápido - Anashopping
End: Av. Universitária nº 2.221, Vila Santa Isabel - Fone: (62) 3316-4599

Rápido – Jaiara
End: Av. Fernando Costa, 20, Vila Jaiara - Fone: (62) 3902-1063 e (62) 3902-2739