Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Prefeitura divulga lista de selecionados para a 25º Salão Anapolino de Arte

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

15/07/2020 09h54 - Atualizado em 15/07/2020 09h55

Prefeitura divulga lista de selecionados para a 25º Salão Anapolino de Arte

Diversidade étnico-cultural marca esta edição do evento

Nada semelhante às edições anteriores, o processo de seleção dos artistas inscritos no 25º Salão Anapolino de Arte demorou um pouco mais que o previsto. Em tempos de pandemia e com número recorde de participantes, foi necessário realizar reuniões online entre a comissão de seleção da mostra, Wagner Barja, Clarrisa Diniz e Maria Adelaide Pontes, o curador do evento, Paulo Henrique Silva.

Dentre os 1.185 inscritos, foram selecionados 20 nomes para integrar ta 25ª edição da mostra, além dos quatro contemplados no Prêmio Fomento à Produção Anapolina. Com aporte financeiro do Fundo de Arte e Cultura do Estado de Goiás, o Salão é uma realização da Prefeitura de Anápolis, por meio da Secretaria Municipal de Cultura (Semuc), e da Associação dos Amigos da Galeria de Artes Antônio Sibasolly.

A arte contemporânea brasileira será representada no Salão Anapolino de Arte pelos artistas Agrippina R. Manhattan (RJ); Aline Brune (BA);Aline Luppi Grossi (PR); Ana Sabiá (SC); Diambe (RJ), Eneida Sanches (SP); Erinaldo Cirino (PA); Estevão Parreiras (GO);Gê Viana (MA), João Trevisan (DF); Luiz 83 (SP); Pamella Anderson (DF); Renan Teles (SP), Renata Felinto (CE), RodrigoD’ Alcantra (DF); Sophia Pinheiro (GO); Ueliton Santana (AC); Vic Macedo (RS); Xadalu Tupã Jekupé (RS), e Ziel Karapotó(PE).

Os artistas suplentes são Iago Fernandes (MG); Raphael Bqueer (RJ), e3º Erica Storer de Araújo (PR).Dentre os inscritos na Categoria Fomento à Produção Anapolina os artistas selecionados são Ana Paula Faria,Diego Oliveira, Joardo Filho e Rei Souza.

Outra boa notícia para os selecionados é que o prêmio participação, no valor de R$ 1 mil, estará em suas contas já na próxima semana, assim como os R$ 2,5 mil dos quatro vencedores na categoria Fomento à Produção Anapolina. Para o curador do Salão Anapolino, Paulo Herique Silva, mais que se apresentar como um instrumento de promoção e difusão das artes visuais e de aquisição de obras para ampliação do acervo do Museu de Artes Plásticas de Anápolis (Mapa), o Salão deve assumir, também, um papel social.

“Neste momento, em que a realidade trazida pela pandemia do coronavírus é ainda mais adversa, do ponto de vista financeiro, para os artistas, se faz necessário colaborar para minimizar esta situação”, afirma.

Cronograma
Quanto ao lançamento da mostra, o curador afirma que todo o calendário de realização do 25º Salão Anapolino de Arte passou por alterações e, até o momento, as datas previstas são dia 19 de agosto, na Galeria Antônio Sibasolly, em Anápolis, e 21 de novembro, no Centro Cultural da Universidade Federal de Goiás, em Goiânia. Nos dois lugares, aguarda os protocolos para confirmar a visitação pública.

“Acompanhamos os decretos governamentais à serem seguidas de acordo com o quadro em que se encontra o coronavírus, e, antes de tudo, aliando a importância deste investimento cultural e a observância dos cuidados neste tempo de pandemia”, destaca o secretário municipal de Cultura, Wilson Velasco.

Os decretos vigentes e as possibilidades de utilização dos espaços públicos são monitorados pela Semuc. “Graças a essa parceria entre a Prefeitura e a Associação, bem como o investimento Estadual, conduzimos este importante fomento à produção artística a nível nacional, valorizando o empenho dos artistas e acompanhando atentamente a luta contra a pandemia, buscando as possibilidades para apresentar a todo o público”, destaca Wilson.