Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Observatório Escolar retoma atividades

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

28/02/2020 16h25 - Atualizado em 03/03/2020 17h39

Observatório Escolar retoma atividades

Com atividades multidisciplinares, equipes já visitaram dezenas de escolas

O mês de março marca a retomada das atividades do Observatório Escolar -programa que conta com palestras educativas sobre segurança e defesa civil. Implantado desde setembro, já mais de 30 bairros de Anápolis. A estreia começa na segunda-feira, 02, na Escola Municipal Walmir Bastos Ribeiro, no Jardim Europa. O objetivo, além de reforçar a segurança, é coibir à ação de criminosos nas proximidades das escolas e conscientizar à população.

Ainda durante as visitas os alunos poderão conhecer o ônibus de videomonitoramento do Observatório Municipal de Segurança, adaptado com sistema de câmeras de alta resolução e painel de controle multitarefas. Será entregue aos professores, material didático (cartilhas educativas) sobre prevenção a desastre elaborada pela Defesa Civil.

As atividades são planejadas de acordo com a faixa etária dos estudantes e abordam temáticas voltadas para o desenvolvimento da autoestima. São ensinadas técnicas de autocontrole e resistência à pressão de colegas para o uso de drogas, construção da personalidade, visão de futuro e outros assuntos do dia a dia no ambiente escolar.

Segurança

O ônibus de videomonitoramento é uma ferramenta utilizada para ampliar a segurança da cidade. “Ele conta com moderno sistema de câmeras, que captam imagens em longa distância. Então, dá pra monitorar o comportamento de pessoas suspeitas que estejam nas proximidades das escolas”, explica o diretor do Observatório Municipal de Segurança, Carlos Antônio.

“A administração municipal tem o compromisso de oferecer mais segurança aos anapolinos, por isso o Observatório Municipal de Segurança atua para garantir uma vigilância mais ostensiva em todas as regiões. Vale lembrar ainda que, além das ações contra delitos e atos infracionais, o órgão se integra a outras frentes para coibir todas as práticas que tiram a segurança do cidadão”, o complementou.