Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Mesmo com a pandemia da Covid-19, Prefeitura continua no combate ao mosquito

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

18/05/2020 14h16 - Atualizado em 18/05/2020 14h18

Mesmo com a pandemia da Covid-19, Prefeitura continua no combate ao mosquito

Agentes estão visitando lotes e partes externas das residências, evitando contato com moradores e promovendo a orientação

Fotos: Bruno Velasco - Dircom

Em tempos em que a preocupação com a saúde pública está tão latente, devido à pandemia do coronavírus, não podemos descuidar de outro problema: o Aedes Aegypti, mosquito transmissor da dengue, chikungunya e zika vírus. Por isso, os agentes de endemias prosseguem com seus trabalhos de forma controlada e segura.

As visitas acontecem em lotes baldios e às residências apenas na parte externa como quintais, sem contato com os moradores. Nesta segunda-feira, 18, uma ação de conscientização e orientação aconteceu no Bairro Morada Nova, mas o trabalho é feito em toda a cidade.

Devido à orientação de toda a população permanecer em casa, foi feito um trabalho de capacitação para que possam atender mesmo sem que o morador não permita a entrada nas dependências externas. “Orientamos os agentes a instruírem os moradores pelo interfone ou mesmo do lado de fora para que não descuidem da dengue. Vamos aproveitar que estão em casa para ter esses cuidados”, ressalta a gerente de Endemias, Patrícia Godói.

Mas é importante ressaltar que, para ter um trabalho eficaz, é necessária a colaboração de toda a comunidade, apesar da redução de 29% nos casos notificados em relação ao mesmo período do ano passado, conforme o último boletim epidemiológico de 9 de maio de 2020 “Embora houve uma redução, auxiliada pelo fim do período chuvoso, o índice de infestação é alto e precisamos de engajamento da comunidade”, explica a gerente.

Limpeza de lotes, calhas e outras medidas de combate aos focos devem ser rotineiras, além de cuidados básicos como não deixar água parada até o apoio ao trabalho dos agentes. “A população precisa fazer a sua parte”, frisa Patrícia Godói. Denúncias sobre focos do mosquito podem ser feitas por meio do número 0800 646 0408.

Mesmo com a pandemia da Covid-19, Prefeitura continua no combate ao mosquito