Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Comprar em mercadinhos de bairro pode ser mais vantajoso

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

05/06/2020 16h46 - Atualizado em 05/06/2020 16h50

Comprar em mercadinhos de bairro pode ser mais vantajoso

A diferença é de 6,85% no preço dos itens da cesta básica

Um levantamento feito pela Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor (Procon Anápolis) entre os dias 2 e 3 de junho, apontou diferença de preço de até 6,85% entre itens da cestas básicas. O preço médio dos itens que a compõem a cesta básica é de R$ 149,24 nos estabelecimentos menores, contra R$ 160,23 apurados nas grandes redes.

Com menos tempo disponível para fazer as compras durante a pandemia, o consumidor passou a buscar, por comodidade e praticidadenos mercadinhos de bairro. Inclusive, os clientes já observam vantagens na hora de adquirir os produtos.

Ao observar essa mudança de comportamento, o Procon Anápolis inovou ao realizar, neste início do mês de junho, pesquisa de preços nos supermercados de bairros mais afastados. Foram verificados os 27 itens que compõem a cesta básica em seis estabelecimentos comerciais da cidade. Clique aqui e confira a pesquisa completa!

Na categoria alimentação, o quilo da batata varia até 20% entre os estabelecimentos pesquisados, podendo custar de R$ 4,99 até R$ 5,99. Já o macarrão com ovos (pacote de 500g) pode ser encontrado nas prateleiras pelo preço de R$ 1,99 até R$3,29, dependendo do local onde for comprado.

Em relação às carnes, os cortes de primeira variam 21%, alcançando o preço médio de R$ 21,32 o quilo. Mais uma vez, o valor do quilo é de R$ 18,99 nos locais mais afastados, contra R$22,99 nas maiores lojas.

Já entre os itens de higiene pessoal de mesma marca, o papel higiênico (pacote com quatro unidades) é vendido, em média, a R$ 2,68, sendo comercializado entre R$ 1,99 e R$ 3,39. O creme dental (tubo de 90g) aparece na lista com custo médio de R$ 2,44.