Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ City Tour e CAT dão suporte ao setor

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

20/02/2020 12h37 - Atualizado em 20/02/2020 12h41

City Tour e CAT dão suporte ao setor

Enquanto o primeiro aproxima o anapolino de suas referências históricas e culturais, o outro dá suporte a quem visita a cidade

Da antiga Estação Ferroviária à Ala 2 (Base Aérea), passando pelos museus e o Planetário Digital, o que não falta são espaços interessantes espalhados pela cidade. E para aproximar o anapolino de suas principais referências históricas e culturais, a Prefeitura estimula o turismo com elementos simples e resolutivos, caso do City Tour, vinculado à Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, e que levou a estes endereços mais de mil crianças da rede municipal de ensino, em 2019. Mas o serviço, registre-se, é aberto a toda a população, mediante agendamento pelo fone 3902-1222.

A atividade é realizada de segunda-feira a sábado, no período das 7h às 17h. Cada passeio dura em média uma hora e meia e é realizado em um micro-ônibus de 22 lugares, dotado de ar condicionado para garantir o conforto dos passageiros e com a presença de um monitor. “Os interessados ligam para a secretaria, definem onde querem ir – com base em roteiros pré-fixados – agendam e pronto”, explica a gerente de Turismo Ana Luísa Freitas, lembrando que, no caso de escolas, igrejas, ONGs e instituições em geral, o veículo busca o grupo. Já nos casos de agendamentos de pessoas físicas, elas devem se dirigir ao Centro de Atendimento ao Turista (CAT), na Praça Dom Emanuel.

Este ano, o primeiro passeio do City Tour teve uma pegada diferente. Realizado em parceria com as pastas de Desenvolvimento Social e de Esportes, além dos Voluntários de Coração, ele teve como público os idosos do Abrigo Monte Sinai, que foram levados ao Ginásio Internacional Newton de Faria para assistir uma partida do Anápolis Vôlei. Com o benefício do Programa Torcida Premiada, da Prefeitura, eles vibraram e acompanharam mais uma vitória da equipe local na Superliga B. “Foi apenas o início das atividades em 2020. A partir de março elas serão muito intensas”, diz Ana Luísa.

CAT

Outro serviço disponibilizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico é o CAT (Centro de Atendimento ao Turista). Se engana quem pensa que o movimento é pequeno. Entre o início de janeiro e 19 de fevereiro, foram realizados 842 atendimentos no local, cuja estrutura está localizada na Praça Dom Emanuel, no bairro Jundiaí. “A procura envolve situações variadas, desde a busca por endereços e estabelecimentos, até consultas por pontos para visitação”, detalha Ana Luísa Freitas.

Conforme a gerente, o espaço está aberto diariamente das 8h às 17h, com a presença de um atendente bilíngue e materiais diversos sobre Anápolis, incluindo um guia turístico, os roteiros do City Tour e outras publicações sobre a cidade. “O objetivo é orientar a pessoa e facilitar ao máximo a sua estada na cidade, assim como colaborar com quem mora aqui, mas tem dúvidas de como chegar a algum bairro ou ainda não conhece algum ponto de interesse”, conclui Ana Luísa.