Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Cesta básica mais cara em dezembro

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

05/12/2019 17h58 - Atualizado em 05/12/2019 18h06

Cesta básica mais cara em dezembro

Pesquisa do Procon Anápolis apurou aumento de 10,33% do valor médio da cesta

O feijão, a batata e o sal refinado foram os itens com maior variação de preço registrada entre os estabelecimentos em dezembro, respectivamente 305%, 303% e 267%. Os dados são da pesquisa mensal sobre cesta básica, realizada pela Secretaria Municipal de Defesa do Consumidor (Procon Anápolis). O valor médio da cesta alcançou R$ 150,19 -- 10,33% a mais que no mês anterior. Acesse aqui pesquisa completa.
 
O levantamento ocorreu em oito supermercados de Anápolis, onde foram pesquisados os valores de 27 itens, entre alimentos, carnes, limpeza e higiene pessoal. “É essencial pesquisar os preços, por mais que o cidadão não vá adquirir cada produto em um local, sempre haverá uma opção de compra mais favorável, com maior número de produtos em um preço reduzido”, afirma o secretário da pasta, Robson Torres. 
 
Entre as carnes, a maior diferença de valores ficou com as de primeira, variando de R$ 23,50 a R$ 39,90. Na categoria de higiene pessoal, o papel higiênico (pacote com quatro unidades) lidera o ranking, com variação de 183% -- os preços vão de R$ 2,19 a R$ 6,19. Na limpeza doméstica, o sabão em pó é o campeão, é encontrado desde R$ 2,79 até R$ 7,49, diferença de preço de 168%. 
 
Neste final de ano, o Procon Anápolis inovou! É que o órgão realizou extensa pesquisa sobre carnes, apontando as diferenças nos preços dos mais diversos cortes. Acesse aqui a notícia completa.