Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Centro Cultural Washington Ribeiro de cara nova

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

02/09/2019 13h58 - Atualizado em 02/09/2019 14h03

Centro Cultural Washington Ribeiro de cara nova

Espaço ganhou cores vivas; grafiteiros de Anápolis e da ONG Oásis de Sonho, de Goiânia participaram da ação

O Centro Cultural Washington Ribeiro passou revitalização e está com uma fachada incrível! A unidade cultural recebeu melhorias em seu prédio, e, além disso, a partir de agora conta com duas grandes novidades: uma biblioteca com mais de mil títulos, para os frequentadores e todas as paredes foram pintadas por artistas da ONG Oásis de Sonhos, de Goiânia e grafiteiros aqui da cidade. A unidade é administrada pela Secretaria de Cultura da Prefeitura de Anápolis.

O prédio recebeu no último sábado, 31, pintura, grafite e letras estilizadas revitalizando todas as paredes da unidade. Também foi confeccionado materiais para a unidade, por meio de reciclados. Todos os artistas tiveram espaços em muros e paredes (internas e externas) com cerca de 1,5x1,5m para trabalhar.

O grafiteiro Adriano Falheiros foi um dos participantes da ação social no Centro Cultural Washington Ribeiro. Segundo o artista a iniciativa foi uma forma de envolver também os moradores em todo o trabalho, o que fez nascer um senso coletivo inédito de pertencimento e de cuidado com o local. “Fiquei muito feliz em deixar a minha marca nas paredes do Centro Cultural, ainda tive a ajuda de alunos e de outros grafiteiros. Essa ação de revitalizar a unidade cultural e ainda dar espaço para os artistas locais, foi fantástica”, explicou.

Fernanda Alves é uma das voluntárias da ONG Oásis de Sonho e que ajudou a deixar o Centro Cultural Washington Ribeiro com mais vida através da imagens e cores. Ela explicou que uma contribuição como está é muito gratificante, pois além dos frequentadores terem um local mais bonito, poderão também ter mais contato com a arte. “Dar essa contribuição com a comunidade nasce dentro de cada um o sentimento de gratidão. Nossa busca é de saltos cada vez maiores, e a certeza é que brincar é o caminho certo para mudar o mundo”, disse.

Segundo a secretária municipal de Cultura Eva Cordeiro além de oferecer um ambiente que inspire os alunos, a ideia é despertar nos moradores do Boa Vista e alunos o interesse pelas artes e as demais atividades desenvolvidas no Centro Cultural. “Temos uma unidade cultural novinha e com um design criativo e adequado para todas as faixas etárias. Tenho certeza que todos os alunos estarão mais motivados.

Biblioteca
O Centro Cultural Washington Ribeiro terá uma biblioteca com mais de mil títulos, para os frequentadores. Os livros foram doados pelo projeto “A Incrível Máquina de Livros”, que esteve no último fim de semana em Anápolis. A máquina que percorre o país incentivando a leitura inova trocando exemplares usados, por novos. A van do projeto que ficou no Parque Ipiranga, atraiu gente de todas as regiões da cidade.

A unidade está localizada na Rua 5 no bairro Boa Vista e foi escolhida por ser um dos polos do programa Cultura em Ação, que oferece cursos de iniciação artística em diversas áreas. E com sua nova estrutura física, será capaz de agregar todos estes títulos doados. “Foi um grande presente para os alunos que frequentam o Centro Cultura, assim como toda a comunidade. Uma biblioteca representa mais cultura e incentivo à leitura”, concluiu a secretária municipal de Cultura, Eva Cordeiro.

Centro Cultural Washington Ribeiro de cara nova