Página Inicial / Multimídia/ Notícias/ Caiado diz que UPA com Perfil Pediátrico é modelo para Goiás

ImprimirImprimir

Tamanho da fonte fonte fonte

31/07/2019 16h41 - Atualizado em 31/07/2019 16h46

Caiado diz que UPA com Perfil Pediátrico é modelo para Goiás

Governador esteve na unidade acompanhado pelo prefeito Roberto Naves e demais autoridades no dia do aniversário de Anápolis

Foto: Bruno Velasco - Dircom
Mais de 1.100 atendimentos entre consultas e procedimentos em apenas seis dias de funcionamento. Esse foi o balanço apresentado pela Prefeitura de Anápolis durante a visita do governador Ronaldo Caiado à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) com Perfil Pediátrico – a primeira do Centro-Oeste e terceira do Brasil – na tarde desta quarta-feira, 31, quando o chefe do Executivo estadual cumpria agenda na cidade por conta do aniversário de 112 anos.
 
Acompanhado do prefeito Roberto Naves, o governador elogiou a estrutura da unidade e destacou a importância de ter um atendimento específico para as crianças. “Anápolis está dando exemplo para Goiás com essa UPA. Uma das nossas prioridades é ampliar os serviços em pediatria no Estado e isso já está sendo feito aqui com muita qualidade. Uma estrutura moderna e com médico 24 horas que desafoga muito toda a rede”, disse.
 
Caiado destacou ainda o pioneirismo e iniciativa do município de entregar uma obra como esta. “Inaugurar obra é fácil. Difícil é colocar pra funcionar e o que a Prefeitura fez aqui foi colocar pra funcionar de forma eficaz. Poucos municípios conseguem tocar uma unidade como essa e a Prefeitura de Anápolis está fazendo isso. Parabéns ao prefeito e a toda sua equipe”, ressaltou.
 
Ao lado do secretário estadual de Saúde, Ismael Alexandrino, Ronaldo Caiado ainda comentou sobre os investimentos no setor no Estado de Goiás que, segundo ele, havia sido desmontado, principalmente no interior, destacando um estudo detalhado para o levante de unidades como a Santa Casa de Misericórdia de Anápolis, cujo convênio foi retomado e o repasse de R$ 600 mil mantido. “Foi um compromisso que fizemos com o prefeito Roberto Naves”, frisou o governador.
 
Qualidade
Os números de atendimento da unidade em apenas seis dias mostram que a Prefeitura está no caminho certo em oferecer um atendimento exclusivo em pediatria. Segundo o prefeito Roberto Naves, a cidade estava desassistida nessa área e a UPA com Perfil Pediátrico veio para fazer a diferença. “Agora os pais podem ficar tranquilos porque sabem que tem um lugar com estrutura e qualidade para atender suas crianças a qualquer hora do dia”, afirmou.
 
Naves também destacou que a visita a UPA com Perfil Pediátrico fez parte de uma extensa agenda em comemoração ao aniversário da cidade que começou ontem com a abertura oficial do ArraiAna 2019, seguiu com o desfile cívico-militar na manhã de hoje e depois teve a assinatura do contrato de concessão da Ferrovia Norte-Sul, com a presença do presidente Jair Bolsonaro e ministros de Estado. “É uma festa que Anápolis merece e mostra sua importância não só para o Estado, mas para todo o País. E não poderíamos deixar de trazer o nosso governador aqui pra conhecer a nossa UPA”, comentou.
 
Participaram ainda da visita à unidade pediátrica o vice-prefeito Márcio Cândido, os deputados federais Major Vitor Hugo e Adriano Avelar, deputado estadual Amilton Filho, secretário municipal de Saúde, Lucas Leite, além de Cicilio de Morais, presidente da Funev (Fundação Universitária Evangélica) – organização social sem fins lucrativos contratada para a gestão da UPA –, o reitor da UniEvangélica, Carlos Hassel, vereadores e demais autoridades. 
 
Estrutura
A nova unidade é a primeira UPA com Perfil Pediátrico do Centro-Oeste e a terceira do Brasil. Está localizada na sede do antigo Cais Mulher e para adaptação e ampliação, a Prefeitura investiu R$ 1.016.000,00 em obras e mais de R$ 600 mil na aquisição de equipamentos e mobiliário. Mensalmente será investido mais de R$ 1,6 milhão por meio da contratação da Funev.
 
O prédio conta com cinco consultórios médicos, farmácia, ludoteca, dois isolamentos, salas de nebulização, estabilização, medicação, coleta, curativo, raios-X, leitos de observação e setor de urgência com reanimação. A capacidade é para até sete mil atendimentos a crianças e adolescentes menores de 16 anos.
 
Para isso conta com uma equipe multidisciplinar composta por médicos pediatras, clínicos e ortopedistas (apenas na área infantil); enfermeiros; técnicos de enfermagem, gesso e raios-X; assistente social, nutricionista, farmacêutico, biomédico, psicólogo e psicopedagogo.
 
Notícias relacionadas:
 
 

Caiado diz que UPA com Perfil Pediátrico é modelo para Goiás